Omnichannel e a integração entre varejo físico e online

O omnichannel já faz parte do universo do e-commerce de supermercado há alguns anos. Aos poucos as empresas estão começando a adotar efetivamente o conceito de integração da sua operação de vendas.

Omnichannel e a integração entre varejo físico e online

Omnichannel significa a conexão de todos os canais de uma empresa. O consumidor atual não deseja mais ver diferença entre loja física e virtual, pois ele enxerga as duas sob a mesma marca e espera ter uma experiência de compra marcante em qualquer uma.

Perceba que o consumidor atual é diferente daquele de antigamente. Ele usa todos os canais de compra simultaneamente. Isso significa que ele compra em diversos canais e ainda pode cruzar suas compras em ambientes físicos e virtuais. Por exemplo, ele compra um produto no e-commerce e pede para retirar na loja física mais próxima da casa dele.

Com isso, os supermercados que desejam se aproximar dos seus clientes devem se preparar para abordá-los em todos esses canais, não apenas em alguns. Elas precisam repensar sua estratégia de comunicação.

O omnichannel surgiu para suprir a demanda do novo consumidor, que é mais experiente, bem-informado e tem mais de uma opção para comprar os produtos que deseja. Com isso, até mesmo os funcionários do supermercado físico precisam conhecer melhor os itens que estão a venda para argumentarem bem diante desse tipo de cliente.

Como o omnichannel funciona?

O objetivo do omnichannel é melhorar a experiência do consumidor em todo o universo da marca (loja física, loja virtual, redes sociais, etc). Por esse motivo, é importante que a empresa consiga construir uma relação única com cada cliente, fazendo com que todos os canais da empresa estejam integrados.

Fique Atualizado

Esse desafio não é tão simples de vencer e a principal dica que deixamos é ficar atento aos dispositivos e canais que seus clientes usam. É por meio deles que a loja virtual pode estabelecer uma relação de proximidade, acompanhando, conhecendo e realizando seus desejos, expectativas e necessidades.

Comece integrando as áreas do supermercado. Faça com que a logística seja prática na loja física e virtual, permita que o cliente vá de uma para outra sem sentir diferença. Para isso, todos os softwares devem convergir em um só.

Preços, estoques, contabilidade e outros precisam ser gerenciadas a partir de um sistema de central, garantindo a sinergia e o cruzamento entre os dados. Por isso, as áreas administrativa e financeira devem atuar em todos os segmentos da empresa, inclusive na loja virtual.

Conheça os seus consumidores e pense como eles. Mensure e acompanhe todos os passos das vendas, reforçando a sincronização entre as plataformas. Intensifique os investimentos em tecnologia da informação para rastrear e armazenar o histórico de relacionamento com o consumidor.

Vantagens

  • Aumenta o número de clientes;
  • Aumenta a taxa de conversão;
  • Otimiza o ROI;
  • Garante o aumento na coleta de dados;
  • Deixa o consumidor satisfeito;
  • Fideliza o cliente.

A integração entre varejo físico e online é um caminho sem volta. Porém, as mudanças na logística, na gestão de estoque e na mentalidade das equipes, a favor da cooperação (em vez da competição) entre os canais de venda, são alguns desafios que os gestores precisam enfrentar.

Gostou do artigo? Ficou com dúvidas? Tem outras sugestões?

Deixe seu comentário ou sua dúvida para podermos discutir sobre o assunto!

Atua na área digital desde 2008, focado em empreendedorismo, projetos de Marketing Digital e Desenvolvimento de soluções web e mobile. Adora desafios e está sempre atento a novas tecnologias e possibilidades.